Gastrectomia

Uma gastrectomia é um procedimento médico que envolve a remoção cirúrgica de todo ou parte do estômago. Em outras palavras, é uma redução de estômago. Existem vários tipos de gastrectomias, que incluem:

Gastrectomia

  • Gastrectomia total: é removido todo o estômago.
  • Gastrectomia parcial: é removida a parte inferior do estômago.
  • Manga gástrica: é removido o lado esquerdo do estômago.

Durante a gastrectomia, o cirurgião conecta o esôfago seja com o intestino delgado ou com a seção restante do estômago. Isto significa que o paciente terá o sistema digestivo funcionando, mais não o vai fazer tão bem como antes.

Porque é efetuada uma gastrectomia?

Uma gastrectomia é muitas vezes usada para tratar o câncer de estômago, também conhecido como câncer gástrico. Mesmo que menos frequentemente, ela é feita para tratar a obesidade, câncer de esôfago, úlceras estomacais, tumores não cancerosos, etc.

Após uma gastrectomia

Uma gastrectomia é uma grande cirurgia, então a recuperação pode levar um longo tempo. Em geral, precisará ficar no hospital por uma a duas semanas após o procedimento, onde você pode receber nutrição intravenosa até poder comer e beber normalmente.

redução de estômago

Você será capaz de digerir a maioria dos alimentos e líquidos após a gastrectomia. No entanto, você pode ter que fazer mudanças em sua dieta, como comer refeições frequentes e menores, em vez de três grandes refeições por dia. É possível que você também precise suplementos vitamínicos para garantir que está recebendo a nutrição certa.

Na maioria dos casos, uma gastrectomia é uma operação muito eficaz. Os estudos mostram que as taxas de sobrevivência para o câncer após a gastrectomia em geral são boas. Também foi mostrado, que as pessoas que fazem uma cirurgia para tratar a obesidade, depois perdem uma quantidade significativa de peso.

Complicações da Gastrectomia

Como com qualquer tipo de cirurgia, gastrectomia carrega o risco de complicações tais como infecção, sangramento e fugas. Uma gastrectomia também pode levar a problemas causados pela redução da capacidade de absorção de vitaminas, tais como anemia e osteoporose.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest